terça-feira, 30 de novembro de 2010

Os três ais de Gideão

                                                                              Postado por:Alexandre Pitante Neto


Texto: Juízes 6.11-24

Introdução

Gideão é sem duvida um dos personagens bíblicos mais conhecidos pelos cristãos, porém existem detalhes de sua vida muito interessantes para observarmos e extrairmos ricas lições.

Entre esses detalhes vou destacar nesta matéria o encontro de Gideão com o Anjo do Senhor, que no desenrolar desta conversa de Gideão com o Anjo, ele (Gideão) diz três vezes: - “Ai meu Senhor”. Em cada “Ai” se segue uma sequência de frases que justificam esses ais, nos mostrando uma conversa fascinante entre Gideão e o Senhor (observe que é uma Teofania).

Gideão quando inicia a conversa com o Senhor ele começa com uma expressão facial e termina com outra; começa com uma expressão verbal e termina com outra; começa um tipo de “Ai” e termina com outro tipo bem diferente do que começou; começa com uma visão equivocada do Senhor e terminha com outra.
Vejamos e analisamos os “ais” apresentados por Gideão:

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

PARE DE SE PREOCUPAR

Quando a preocupação vier bater à sua porta, faça com que ela pare antes de entrar ou ela se mudará para dentro da sua casa e fará morada ali. “Lancem sobre Ele toda a sua ansiedade, porque Ele tem cuidado de vocês” (1 Pe 5:7). Deus se importa com as coisas que preocupam você e que minam os seus pensamentos. Ele se importa com elas mais do que você. Nem um único pensamento perturbador, doloroso,
preocupante, extenuante, e que faz sua pressão subir escapa ao Seu cuidado. Pelo fato de você ser a “preocupação pessoal Dele”, Ele

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Perdoe


 Postado por: Claudio Rodrigues
 http://vivendocomoservo.blogspot.com/
                                 



Então Pedro chegou perto de Jesus e perguntou: -"Senhor, quantas vezes devo perdoar o meu irmão que peca contra mim? Sete vezes?" -"Não" -respondeu Jesus -"Você não deve perdoar sete vezes, mas setenta e sete vezes." (Mt 18:21-22)

Jesus ao dizer que devemos perdoar setenta e sete vezes, não estava definindo um número máximo de vezes que devemos perdoar alguém, mas enfatizando que devemos perdoar muito mais vezes do que pensamos.

Perdoar não é fácil. Enquanto procurava conteúdo, encontrei no twitter a frase: "Os fracos nunca perdoam. O perdão é uma virtude dos fortes". Não sei o autor, mas quem a disse merecia uma recompensa.

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Andressa.....fez muito, no pouco tempo em que viveu

Andressa.....fez muito, no pouco tempo em que viveu!  E você O que esta fazendo para o Reino de Deus?


Nick Vujicic – um homem que nasceu sem os braços e as pernas

Nick Vujicic – um homem que nasceu sem os braços e as pernas – falou sobre como ele ainda pode ser feliz em Cristo

Nick Vujicic um homem que nasceu sem os braços e as pernas – falou sobre como ele ainda pode ser feliz em Cristo, apesar de seu estado físico, no evento da Colheita de Seattle, no último domingo, 7 de novembro de 2010, na cidade de Seattle, em Washington (EUA).

Palestrante motivacional cristão, o deficiente físico disse que entregou sua vida a Jesus Cristo aos 15 anos de idade, quando leu a história do cego, curado por Jesus, no evangelho de João, capítulo 9. “Quando as pessoas perguntaram a Jesus ‘por que o homem nasceu cego?’, ele disse que é para as obras de Deus para serem reveladas através dele”, lembrou Nic.

Exemplo de Vida de Jessica Cox

Quase todo mundo já ouviu falar sobre ela, menos eu: Jessica Cox, Americana que entrou para a História como a primeira pessoa sem braços que conseguiu permissão para pilotar avião. E com méritos.

domingo, 7 de novembro de 2010

Quando Deus faz o que NÃO QUERO...

Postado por:Pastor Marcello Matias
                       
Jer. 29:1-13)
Somos seres com vontade própria. Não estamos amarrados, ou presos à vontade de Deus. Ele nos fez com a capacidade de tomar nossas próprias decisões. Munidos dessa liberdade, vemos muitos hoje que EXIGEM de Deus o que querem. Há algum tempo, vi num blog amigo um envelope de uma certa “igreja”, onde a pessoa ofertava e marcava no envelope o que queria EXIGIR de Deus (clique aqui).
A verdade é que os fatos e feitos de Deus na história nunca foram com propósito de agradar ninguém. Nunca houve a preocupação de fazer a nossa vontade pura e simplesmente, por nossos caprichos. Até porque ele sabe o que é bom realmente pra nós (Rom. 12:2).
No relato, entre Davi e Bate-seba, acredito que ele quisesse seu filho vivo, contudo a vontade de Deus foi diferente. Deus não faz a nossa vontade pura e simplesmente por que queremos.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Os Três aspectos do Sangue de Jesus




                    Postado Por: Alexandre Pitante Neto.




Hebreus 9.22 "E quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com
sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão".


Introdução

O sangue de Jesus é o tema central da Bíblia, de Gênesis a Apocalipse esse fio escarlata, o sangue de Jesus, é o tema principal. No Antigo Testamento, o sangue de Jesus é prefigurado no derramamento do sangue dos animais sacrificados nos holocaustos. No Novo Testamento o sangue de Jesus é derramado para a nossa redenção.
Você não é reconciliado com Deus por suas obras, méritos ou religiosidade, mas por meio do sangue de Jesus.

sábado, 30 de outubro de 2010


A TEORIA DOS QUATRO TEMPERAMENTOS
Hipócrates (460 a 370 a. C), é conhecido como “Pai da Medicina”, na antiga Grécia. Há duas razões que nos interessa: 1) atribuí-se a ele o fato de a medicina interessar-se por problemas psiquiátricos; 2) ele reconheceu as diferenças de temperamentos das pessoas e apresentou uma teoria que explica tais diferenças. E. Baughman e George Welsh avaliaram que: as anomalias de comportamento estava diretamente ligada á intervenção dos deuses. Já, Hipócrates marcou o início de abordagem da personalidade anormal.
Como resultado de suas observações, Hipócrates distinguiu os quatro temperamentos: o sangüíneo, o melancólico, o colérico e o fleumático. De acordo com Hipócrates, o temperamento das pessoas dependiam dos “humores” do seu corpo. Observando as diferenças de comportamento formulando uma teoria que explica essas diferenças. A teoria era bioquímica. Hoje, fala-se em hormônios e outras substâncias químicas.

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

GRAÇA DIVINA

É difícil entender o verdadeiro significado dos termos da vida espiritual. Sabe o que  significa a renúncia? Significa não somente ter desapego pelo mundo, mas também desenvolver anelo por Deus.
Como o Senhor Jesus disse a Paulo, “minha Graça te basta”.
A Graça é o Amor de Deus para nós, ainda que nós não merecêssemos esse Amor “Ágape”, (Amor Incondicional) para nossas vidas, Ele está sempre nos alcançando com sua misericórdia que vai de geração a geração, está sempre de braços abertos esperando por mim e você.
Olhando para Graça de Deus é que possamos entender o verdadeiro significado desse grande Amor, que só

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

O NOVO NASCIMENTO


 Existem dois elementos essências que fazem parte do processo do novo nascimento, ou seja, da salvação. Primeiro é a AGRAÇA DE DEUS e a FÉ EM JESUS. Conforme esta escrito no original em grego no livro de Ef.2.8. “Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vos; é dom de Deus.
É importante salientar que o elemento fé, aqui, não consiste simplesmente numa crença em Jesus. É preciso crer inteiramente que Cristo morreu e ressuscitou, e reconhecê-lo como único Salvador e Senhor com poder de realizar uma completa mudança em nossas vidas. Esta é a Fé salvadora que, é operada pelo Espírito Santo no coração de alguém, possibilita o verdadeiro arrependimento dos pecados. Foi por meio desse fé que nos convertemos a Cristo e passamos a receber as benção de Deus.

terça-feira, 28 de setembro de 2010

A Vocação Espiritual do Pastor


“A única ‘ambição’ que o pastor deve ter é de ser considerado fiel, pois, [...] a honra mais excelente que pode sobrevir a um pastor piedoso é ser ele considerado um bom ministro de Cristo, de tal modo que, durante todo o seu ministério, não tenha ele outro alvo além desse” CALVINO, João. As Pastorais, São Paulo, Paracletos, 1998, p. 116. 


“A última pessoa de quem se espera ouvir falar de crise pessoal é o pastor. A imagem que se forjou do sacerdote em séculos de história cristã aponta para uma figura praticamente imaculada, imune a vacilações, tão sólida em suas estruturas internas quanto o próprio Cristo. Na prática, porém, suas fragilidades se revelam – às vezes, em episódios cruciais para seu ministério. Em certo momento da vida, o pastor Eugene Peterson passou por este conflito. Descobriu que, ao contrário do que pensava, sua identidade como ‘crente’ e sua vocação como ‘pastor’ não andavam necessariamente de mãos dadas. Viu-se diante do que chamou ‘grande abismo’, numa alusão a Lucas 16:26. E foi naquele momento que clamou a Deus e redescobriu a espiritualidade própria do chamado que recebera.
                            “A vocação espiritual do pastor, publicado anteriormente pela United Press sob o título À sombra da planta imprevisível, é o relato dessa experiência decisiva, que Peterson compartilha a partir

sábado, 25 de setembro de 2010

“Sola Scriptura, Sola Gratia, Sola Fide, Solus Christus, Soli Deo Gloria”

“Sola Scriptura, Sola Gratia, Sola Fide, Solus Christus, Soli Deo Gloria”
SOLA SCRIPTURA: A Erosão da Autoridade
Só a Escritura é a regra inerrante da vida da igreja, mas a igreja evangélica atual fez separação entre a Escritura e sua função oficial. Na prática, a igreja é guiada, por vezes demais, pela cultura. Técnicas terapêuticas, estratégias de marketing, e o ritmo do mundo de entretenimento muitas vezes tem mais voz naquilo que a igreja quer, em como funciona, e no que oferece, do que a Palavra de Deus. Os pastores negligenciam a supervisão do culto, que lhes compete, inclusive o conteúdo doutrinário da música. À medida que a autoridade bíblica foi abandonada na prática, que suas verdades se enfraqueceram na consciência cristã, e que suas doutrinas perderam sua proeminência, a igreja foi cada vez mais esvaziada de sua integridade, autoridade moral e discernimento.
Em lugar de adaptar a fé cristã para satisfazer as necessidades sentidas dos consumidores, devemos proclamar a Lei como medida única da justiça verdadeira, e o evangelho como a única proclamação da verdade salvadora. A verdade bíblica é indispensável para a compreensão, o desvelo e a disciplina da igreja.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Sociedade decad[o]ente: Dificuldade de amar e ser amado


Postado por José San Martín Caminã Neto

A notícia é cada vez mais comum em todos os lugares. Ex-maridos ou só ex-amantes matam mulher e filhos. Em alguns casos, o agressor, antes de se suicidar, mata apenas a(s) criança(s), como que impondo sofrimento a quem o desprezou. Em novembro do ano passado, em São Paulo, um homem jogou o filho do 18º andar e pulou em seguida. Em junho de 2010, uma advogada foi localizada dentro do carro submerso num lago. No Rio de Janeiro uma jovem desaparecera e tudo indica que fizeram, literalmente, picadinho dela e deram para cachorros. Nos dois casos a suspeita recai sobre os ex-amantes, um advogado e um atleta de time famoso. Ainda em junho, em Cuiabá-MT, um jovem médico matou a filha de seis anos, baleou a ex-namorada e depois se suicidou na

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

FUGINDO DE TUDO E DE TODOS.


Conforme o texto Jonas 1.1-3, Jonas foi convocado por Deus para ir a Nínive, capital da Assíria a fim de falar a aquele povo sobre a crueldade que eles vinham praticando, e que a paciência de Deus com eles já tinha acabado. Os ninivitas eram conhecidos conforme estudiosos, por decapitar seus inimigos e construir uma pirâmide com os crânios.
É muito provável, que Jonas não tenha gostado de ser escolhido por Deus para tal tarefa, e quem gostaria sabendo que aquele povo? E os Ninivitas eram tradicionais inimigos de Israel. Possivelmente, o medo de Jonas era tamanho que ele resolveu desobedecer a Deus, ao invés de fazer o que era correto. Seria difícil ele aceitar o fato de que fora incumbido por Deus para alertar o seu inimigo sobre a possível punição que poderia sofrer da parte de Deus. Para Jonas, seria melhor mesmo que Deus acaba-se com todos os Assírios e pronto assim também somos nós, quer tudo fácil quando vêm as lutas queremos correr se esconder enfiar a cabeça dentro da terra para não ver ninguém, não falar com ninguém, ou seja, ficar isolado.

COLETANEA DE TEXTOS PARA ESCOLA BIBLICA DOMINICAL

 
 O QUE É A ESCOLA DOMINICAL
 O termo "Escola Dominical" foi primeiramente usado pelo jornalista evangélico Robert Raikes, na Inglaterra, a partir de 1780, quando começou a oferecer instrução rudimentar para crianças pobres em seu único dia livre da semana: domingo, pela manhã e à tarde, pois a maioria mesmo tendo pouca idade já trabalhava durante a semana. A Escola Dominical nasceu para servir como o ensino público gratuito, orientado pelos princípios da educação-cristã, vindo posteriormente o governo britânico e de outros países a oferecer o sistema de educação pública e a se responsabilizar oficialmente por ele. O movimento iniciado por Raikes é considerado o precursor desse sistema.
A Escola Dominical deveria ser o departamento mais importante da igreja, porque evangeliza

EXEGESE DOS SALMOS 42 E 43



I - INTRODUÇÃO
            O livro de Salmos é uma coleção de 150 poemas dividida em 5 livros, compostos por vários autores, inspirados pelo Espírito Santo para nos revelar essa rica literatura de adoração.
            As datas dos salmos abrangem, pelo menos, nove séculos. Moisés escreveu no 15º século a.C., e alguns dos salmos foram escritos depois da volta do cativeiro (por exemplo, Salmo 147.2), que aconteceu no 6º século a.C.
           A maioria dos Salmos vem da época do reino unido, quando a arca da aliança foi levada a Jerusalém, e o templo foi construído naquela cidade.
            A sua diversidade trás uma riqueza especial à sua qualidade como exemplos de adoração. Abordam toda espécie de experiência humana. Falam de vitórias e alegria; medo e perseguição. Refletem as emoções de homens espirituais gozando comunhão com o Criador, e de pecadores sentindo sua falta. Pedem bênçãos sobre os justos e punição dos ímpios.
          

ACONSELHAMENTO PASTORAL, SOLIDÃO


SOLIDÃO, AJUDANDO AS PESSOAS A TER UM RELACIONAMENTO  INTIMO COM DEUS.

   A solidao ja recebeu titulo tais como:
- O problema mental mais comum dom mundo.
- Uma das mais universais fontes de sofrimento humano
- Estado quase permanente de milhoes de pessoas.
     Pode atingir a todos indistintamente, é um vazio interior que pode atingir as pessoas por alguns minutos ou durar a vida inteira.
     Segundo o sociologo Robert Weiss, um quarto da populaçao americana se sente sozinha em algum momento. Essa sensação afeta todas as pessoas em todas as idades, inclusive crianças. Atinge todas as culturas, porém é mais frequente em sociedades que estimulam o individualismo,  e em pessoas altamente

sábado, 18 de setembro de 2010

COMEÇAR É FACIL! ...MAIS, IR ATE O FIM?


Tudo que começamos parece ser tudo fácil, pois é tudo novidade, sem falar que tem muita gente boa para ensinar como começar. Por exemplo, uma criança quando começa a andar e a coisa mais linda do mundo, o primeiro emprego todo mundo dá seu palpite como deve fazer e que não fazer, quando vai casar, como tem gente para dar palpite na festa, no vestido de noiva, no arranjo da igreja. Meu Deus como tem gente pra tudo.
Até para uma criança nascer tem gente que da palpite,  a gestante até passa mal em saber como é que seu filho vai nascer, se vai ser cesárea ou de parto normal, enche a cabeça da gestante de tanta abobrinha que a coitada fica com medo de dar a luz.

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

VERDADEIROS MURMURADORES

Como Deus é bom! Você não acha? O Salmista Davi conhecedor da bondade de Deus disse: - “Provai e vede que o Senhor é bom (Sl 34.8)”, o profeta Naum expressou dizendo: - “O SENHOR é bom, ele serve de fortaleza no dia da angústia, e conhece os que confiam nele (Na 1.7)”.

Não há como negar que a bondade e a misericórdia de Deus é eterna e estende-se de geração em geração (Sl 100.5). Desde que o homem existe, o mesmo têm experimentado a benevolência do Criador em todos os aspectos de sua vida, e isso é fato.

O homem teve, têm, e terá todos os motivos do mundo para engrandecer à Deus e render-lhe graças perpetuamente por tudo o que o Senhor têm lhe proporcionado de bom, independentemente se este(ª) é um cristão ou não, pois a benção de Deus é para salvos e não-salvos, afinal, isto faz parte da “graça comum”.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

JUSTIÇA DOS HOMENS X JUSTIÇA DE DEUS

 
Na sociedade, quando alguém comete um crime de roubar, matar etc... esse é apanhado para ir ao julgamento, é condenado vai preso para cumprir uma pena predita pelo juiz (homem). Esta é a justiça dos homens. Se o indivíduo se arrepender do ato cometido, a pena pode ser encurtada e até perdoada. Mas o crime nunca é perdoado, por aqueles que foram ofendidos e nem pelos papeis burocrático, pois o seu registro ficara  no cadastro do indivíduo.
-           Mas a Justiça divina, apresenta algumas mudanças. O mesmo crime (ou pecado) de roubar, ou qualquer outro pecado (ou crime), é condenável e condenado. No entanto, o crime pode ser perdoado e  apagado  na sua totalidade, através do perdão. Como esta escrito em 1João 1-9 Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça”.

É impossível a um ser humano compreender a Justiça de Deus através de um raciocínio meramente

terça-feira, 14 de setembro de 2010

OUVINDO A VOZ DE DEUS.


            “Portanto a fé vem pelo ouvir a palavra [RHEMA] de Deus” Rm 10:17.
LOGOS E RHEMA Essas duas palavras em gregas traduzidas por “palavras” em nossas Bíblias, Logos se refere à palavra escrita ou gravada.
Rhema se refere à palavra viva ou vivificante.
            Jesus disse: Está escrito [Logos], nem só do pão viverá o homem, mas de toda palavra [Rhema] que procede da boca de Deus. Mt. 4.4.

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

10 verdades que pregamos sobre 10 mentiras que praticamos


Certo pastor estava buscando levar a igreja à prática da comunhão e da devoção experimentadas pela igreja do primeiro século (conforme descrita em Atos dos Apóstolos). Logo recebeu um comunicado de seus superiores: “Estamos preocupados com a forma como você vem conduzindo seu trabalho ministerial. Você foi designado para tomar conta dessa igreja e a fez retroceder, pelo menos, uns 40 anos! O quê está acontecendo?”. O pastor respondeu: “40 anos? Pois então lamento muitíssimo! Minha intenção era fazê-la retroceder uns 2.000!”.
Atualmente temos acompanhado um retrocesso da vivência e prática cristãs. Mas, infelizmente, não é um retrocesso como o da introdução acima. Algumas das verdades cristãs têm sido negadas na prática. Como diz Caio Fábio, muitos de nós somos “crentes teóricos, entretanto, ateus práticos”. Segue-se uma pequena lista dos tops 10 das verdades que pregamos (na teoria) acerca das mentiras que vivemos (na prática):

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

CAMINHO DA SALVAÇÃO


Alguns ensinam que para chegar a Salvação tem que fazer muitas manobras do homens, doutrinas de homens, enquanto a Biblia por si própria se explica a Salvação.
Veja alguns versiculos como andar no caminho da Salvação.  

1) INTRODUÇÃO
1João 5: 11-13
 “E o testemunho é este: que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está no seu Filho.  Aquele que tem o Filho tem a vida; aquele que não tem o Filho de Deus não tem a vida. Estas coisas vos escrevi, a fim de saberdes que tendes a vida eterna, a vós outros que credes em o nome do Filho de Deus.”

terça-feira, 24 de agosto de 2010

O VERDADEIRO PASTOR





Infelizmente presenciamos casos de obreiros cheios de invejas, ciúmes, fofocas, etc. Não estou aqui generalizando e afirmando que somente as igrejas de costumes rígidos tenham pessoas sem caráter. Esse tipo de gente tem em todo lugar! O fato é real.

Falta, em algumas igrejas, o ensino sobre o caráter do cristão. Ensinar a verdadeira DOUTRINA da Bíblia; que é andar como Cristo andou. Ensinar a amar ao próximo com sinceridade e não somente de palavras, pregando uma coisa e vivendo outra.

VERDADEIRA ESCOLA BIBLICA DOMINICAL


Muitos estão a propagar, por aí, que a Escola Bíblica Dominical já não tem mais lugar nos dias de hoje, que é uma estratégia ultrapassada ante as mudanças sociais operadas no mundo, muito diferente daquele em que se iniciava a industrialização na Inglaterra, quando Robert Raikes criou a Escola Bíblica Dominical tal como a conhecemos hoje. No entanto, a EBD somente deixaria de ser necessária se houvesse um outro espaço em

terça-feira, 10 de agosto de 2010

SABE QUE É MISERICORDIA?


No Salmos 103 ele retrata da salvação e cura das enfermidades, é muito lindo quando nos lemos e vemos, quando nosso Deus não nos trata segundo os nossos pecados e nem a nossas trangressões, que o seu perdão esta acima de tudo. Ele não faz acepção de pessoas e não guarda o nossos erros para um dia nós mostrar no futuro.

terça-feira, 2 de março de 2010

MISSÕES PRECIOSA LIÇÃO

MISSÕES PRECIOSA LIÇÃO

Preciosa lição, uma delas que desejamos partilhar com você cara leitor desse blog, está na diferença entre a atitude do Apostolo Paulo e os Soldados, em relação aos presos.
A idéia dos soldados era que matassem os prisioneiros para que ninguém fugisse a nado, conforme esta escrito em Atos 27- 42 “Então a idéia dos soldados foi que matassem os presos para que nenhum fugisse, escapando a nado”. Um justificativa para esta atitude é que os Soldados deveriam pagar com a própria vida,

domingo, 14 de fevereiro de 2010

Testemunho da Minha conversão



De Macumbeiro para Filho do Deus Altissismo.

ANO DE DEUS NA MINHA VIDA (1994).

Desde que eu me conheço minha vida foi vazia, tudo que eu procurava fazer para preenchê-la não era o suficiente, eu procurei preencher esse vazio bebendo, fumando, fazendo festas e mais festas, quando acabavam as festas o vazio ainda continuava, parecia que faltava alguma coisa que eu não sabia o que era. Pois minha vida era vivida de orgulho de vaidades, soberba eu vivia de uma forma que eu não aceitava nada de ninguém, não aceitava ajuda e era orgulhoso soberbo, gostava de pisar nas pessoas que me rodeava.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

AS SETE FESTAS JUDAICAS



A páscoa
A Páscoa era a mais importante de todas as festas, quer histórica, quer religiosamente. Celebrava o aniversário da libertação dos judeus da escravidão no Egito e do seu estabelecimento como povo independente pela ação redentora de Deus. O uso judaico distinguia entre ´´Páscoa do Egito“ e ´´Páscoa permanente“. A primeira era para ser observada em 10 de Nisan, quando o sangue era espargido nas ombreiras das portas e quando o cordeiro tinha de ser comido à pressa. A páscoa permanente era observada durante sete dias com os pães asmos. Ambas estavam intimamente ligadas no tempo e constituíam uma quadra festiva.

domingo, 7 de fevereiro de 2010

JESUS O MAIOR PSICÓLOGO QUE JÁ EXISTIU


JESUS O MAIOR PSICÓLOGO QUE JÁ EXISTIU





Entendendo como as pessoas pensam


            Jesus ao ensinar usava parábolas, ou segundo a psicologia técnicas psicológicas. Sendo um poderoso comunicador compreendia o que a psicologia ensina hoje: que baseamos a nossa vida mais no que acreditamos do que no que sabemos.


            Quanto mais aprendemos, mais devemos perceber que existem coisas que ainda não sabemos. Segundo o autor, Jesus entendia que as idéias humanas nunca expressam totalmente a realidade, e seu estilo de ensinar sempre levou este fato em consideração.


            Jesus falava por meio de parábolas, pois sabia que cada pessoa só pode compreender as coisas a

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

LEIS QUE TRAMITAM EM BRASÍLIA CONTRÁRIAS À IGREJA



O DEPUTADO RODOVALHO NA CAMARA FEDERAL LUTANDO CONTRA. POR FAVOR LEIAM ,OREM INTERCEDAM E REPASSEM PARA O MUNDO.


'Mas olhai por vós mesmos, porque vos entregarão aos concílios e às sinagogas; e sereis açoitados, e sereis apresentados perante presidentes e reis, por amor de mim, para lhes servir de testemunho.
E sereis odiados por todos por amor do meu nome; mas quem perseverar até ao fim, esse será salvo.'
- Marcos 13:9 e 13

sábado, 30 de janeiro de 2010

"COMO É O CRENTE"


"COMO É O CRENTE"

Minha Arma? A bíblia!.
Meu Lugar? A igreja...
Meu Caminho? O céu...
Minha Companhia? Jesus...
Meu Amigo? Espírito Santo...
Meu Desejo? Pregar a sua palavra!
Meu Verbo? Orar...

domingo, 24 de janeiro de 2010

RESUMO DO LIVRO O SEMINARISTA DE PAULO MENDES


O SEMINARISTA

No prefácio o próprio autor  traça o perfil  não só dos cursos a ser ministrados nos seminários como dos seminaristas, além dos próprios seminários que, por serem um conjunto a princípios desconhecidos entre si, têm metas e propósitos a serem obedecidas e atingidos que  nem sempre é comum.
De plano, segundo o autor, urge que seja entendido se  os referidos estudos são ditados por uma vocação ministerial, considerando que a seara é grande e poucos os trabalhadores.
Aliás, a sua ótica é de uma dinâmica ímpar uma vez que  estimula  também os pastores para que voltem a realizar esses estudos como forma de evitar a cristalização de seus

Teologia do Pacto


TEOLOGIA DO PACTO

A teologia do pacto é o evangelho apresentado no contexto do plano eterno de Deus de comunhão com o Seu povo, e seu desenvolvimento histórico nos pactos das obras e da graça (bem como nos vários estágios progressivos do pacto da graça). Ela explica o significado da morte de Cristo à luz da plenitude do ensino bíblico sobre os pactos divinos, fortalece nosso entendimento da natureza e uso dos sacramentos, e provê a

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

A IMPORTÂNCIA DO PERDÃO


A IMPORTÂNCIA DO PERDÃO
Suportando-vos uns aos outros e perdoando-vos uns aos outros, se algum tiver queixa contra outro; assim como Cristo vos perdoou, assim fazei vós também. Colossenses 3:13 Falar de perdão, assim como de amor,
é falar do próprio Deus; é referir-se à graça imerecida, é viver algo que o mundo não prega. Aquele que se converte ao Senhor Jesus, que pretende levar a sério a vida cristã, precisa compreender bem essa necessidade de perdoar ao próximo; desse ato depende toda a

quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

ACOMPANHAMENTO PASTORAL



ACOMPANHAMENTO PASTORAL

Quando se propõem a discutir o tema “Aconselhamento Pastoral”, algumas perguntas são neces¬sárias para reflexão: Qual a consciência da igreja como Comunidade Terapêutica? O que a igreja está fazendo de prático e eficaz na busca de solução para os aconselhamentos? Seria correto ter na igreja um “ministério” específico para aconselhamento? Por que são poucas as igrejas que fazem este trabalho de forma eficiente?
O Aconselhamento Pastoral é sem dúvida alguma é de fundamental importância, pois, muitos são aqueles que estão “feridos” e precisam ser ajudados. Mas deve-se tomar

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Homens e Mulheres de FÈ





Homens e Mulheres de FÈ



Depois de Jesus ter andado a espalhar pela Galileia junto dos seus
a chegada do Reino dos Céus (segundo Mateus, desde o início do seu ministério, do Evangelho, até aqui, cerca de 10 capítulos), ele decide-se a ir para terra estrangeira, para a região de Tiro e Sidon que fica ao norte da Galileia, no atual Líbano, uma terra estrangeira de estrangeiros onde a maior parte das pessoas eram não-judias, ao contrário da Galileia onde quase todos eram judeus.

sábado, 2 de janeiro de 2010

ACONSELHAMENTO PASTORAL




ACONSELHAMENTO PASTORAL

I – INTRODUÇÃO
O conhecimento sobre a matéria que ora apresentamos em resumo, é de vital importância para o Aconselhamento Pastoral, pois os aconselhamentos de Curto e Longo prazo é questão que estaremos abordando no dia a dia de nossas vidas, somadas às questões dos erros do aconselhamento que embora breve não é um trabalho simples como se pode imaginar; e, quanto ao de Longo Prazo, certamente os detalhes mais abrangentes proporcionarão melhores resultados terapêutico que exigem que conheçamos nos mínimos detalhes esses nichos do comportamento humano, para melhor desenvolver nossos trabalhos. Vamos então aos temas.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...